rss
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites

segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Feliz 2008


A Tear já fez o balanço do nosso último ano, acima de tudo foi um ano positivo...apesar de tudo.
Esta passagem de ano vai ser feita com cada uma em seu lado, tu em Espanha e eu em Bragança...as saudades apertam sim, é um facto, mas nós contornamos amor.

Vim só mesmo desejar um Bom Ano Novo a tod@s @s que nos visitarem...as maiores felicidades e muita alegria para o ano que se avizinha!!


P.s.- Desculpem a fraca fluência das palavras, mas fui bafejada com a sorte de trabalhar das 9 às 6 e pico...

P.s 1- Amor, prometo que me porto bem hoje à noite, sabes que a madrinha está comigo, ela cuida de mim...


Amo-te assim como só tu sabes...

BOM ANO

Miss you...

Estou a ver as nossas, as tuas fotos…tenho saudades tuas…do teu sorriso, do teu olhar, do teu riso, de te sentir deitada ao meu lado, de te fazer festas no cabelo…enfim…tudo me faz falta, TU fazes-me falta.

Este foi um ano bastante agitado, aconteceu de tudo um pouco, ás vezes penso que estamos num filme porque na vida real estas coisas não acontecem assim, vandalismo, ameaças telefónicas, perseguições, bem, parece que estamos em um daqueles filmes de acção, a nossa vida é assim, dava uma curta metragem :p

Mas fora isso, lá tivemos as nossas discussões, os nossos choros, os nossos nervos, irritações e coisas que tais mas no meio disso tudo o carinho, a cumplicidade, o laço que nos une, a amizade e o amor tudo isso cresceu, cada dia que passou sinto que cresci, amadureci e tudo isso por tua causa. Sei que te causei algumas tristezas e nem sempre, como diz o Jorge Palma, “entendi o teu olhar”, peço desculpa por tudo isso, sei que nem sempre fui a melhor das namoradas.

Para este novo ano só peço que sejas muito feliz e que se possível que estejas ao meu lado sempre e que me ames como se fosse o primeiro dia… pronto, é fim de ano e a única coisa que queria era estar contigo, era esse o meu único desejo.

Estou cheia de saudades tuas, não consigo descrever o que sinto quando estou longe de ti…és a minha vida.

Amo-te muito, como só tu sabes…

sábado, 29 de dezembro de 2007

Tear...

Quarta- feira voaste mais uma vez para os meus braços. Ontem regressaste a Aveiro, agora vais a caminho de Espanha... cada km que fazes é com se um pedaço de mim morresse, se desfizesse....pode parecer um exagero,não sei, mas não consigo "funcionar" sem te ter por perto...este amor imenso consome-me, mata-me quando não estás! A nossa casa não é a mesma, nada faz sentido,nada mesmo.

Talvez por me sentir incrivelmente embaixo hoje tudo me parece demasiadamente negro. Pode ser. Ou não. Fazes-me falta. Preciso de ti. Muito.

Passagem de ano sem ti. Vou ter que fazer uma nota mental (não me esquecerei com toda a certeza) para não perder a oportunidade de agradecer à minha chefe a consideração que teve em fazer de mim o único ser a trabalhar segunda. Reformulando, óbvio que milhares de pessoas vão trabalhar dia 31, mas dada a relação especial de amizade e afins que temos a chefe e eu fez com que ela resolvesse dar o dia a todos os meus colegas menos a mim, o que me torna numa felizarda...este pequeno pormenor fez com que a passagem de ano vá por água abaixo. Tu em Espanha e eu cá.

Na próxima quarta feira tenho-te de volta, só para mim...depois é só aguentar até sexta para a nossa merecida semana de férias, longe de tudo e todos (isto claro, se a santa da boss não se lembrar que afinal não vou poder tirar aquela semana de férias e que terá que ficar para outra altura, como já aconteceu outras vezes!!!)

Desculpa amor, prometo que me vou animar!!!
Amo-te assim como só tu sabes...

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Today...

Sei que já deveria estar a dormir, mas não podia deixar de vir aqui antes deixar uma pequena mensagem para ti, neste cantinho tão nosso.



Sei que estás triste, que o dia hoje foi cheio de emoções e que os dias que estão para chegar não vão ser melhores. Sei que estas preocupada por diversos motivos e eu também estou...mas vai correr tudo bem e são poucos dias não é??...por mais vezes que diga isto nunca consigo sentir-me bem, são poucos dias...pufff...vão parecer uma eternidade, só vou estar bem quando voltar a sentir os teus braços a embrulharem-me, o teu sorriso a acariciar-me e sentir-te bem perto...só ai, só assim, estarei completa.



Hoje foi um dia hiper desgastante, tu estás em baixo, eu também, e nada ajuda...sinto-me pequena e vazia, dava tudo para estar perto de ti...daqui a uns dias volto e depois teremos as nossas merecidas férias :D 1 semaninha só para nós, tão bom!!!



Tenho a melhor namorada do mundo!!! E sei que sou melosa mas não me importo, porque ela é e eu tenho que o dizer sempre sempre sempre!!! És a melhor coisa que tenho na vida...



E prometo que volto para ti... ;)



Amu oce assim muito, não te esqueças disso nunca...




" If i had to run, If i had to crawl,
If i had to swim a hundred rivers,
Just to climb a thousand walls,
Always know that i would find a way to get to were you are,
There's no place that far..."





segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

Natal...

Natal…parece que nesta época toda a gente é atingida por um raio qualquer que as faz ficar extraordinariamente feliz, onde se fala com toda a gente, se mandam mensagens, tudo parece perfeito e retirado de um conto de fadas, mas depois o Natal chega ao fim e parece que com ele tudo o resto se desaparece…

Claro que as visões de natal mudam consoante as vivências de cada um, mas este ano confesso que estou com menos paciência de ir aturar a família, ouvir as primas a falar ou dos filhos ou dos namorados maravilhosos que têm, as mães a disputarem qual das filhas é mais fantástica e, eu particularmente, ter que manter um sorriso forçado cada vez que vem à baila o velho assunto “então e namorado?” e eu esboço o meu melhor sorriso amarelo e fico quieta a pensar “ a minha namorada está fantástica, é linda, bem formada e batia ai o lingrinhas do namorado da sua filha aos pontos, mas eu não posso falar dela porque infelizmente somos as duas do mesmo género”…mas pronto, o silencio ainda é uma constante, já não tenho pachorra para isso…

Acho isto tremendamente injusto, mas sei que é uma realidade que muitas de nós vivemos, estar afastadas daquelas que amamos nesta data…talvez um dia as coisas mudem e todas a gente possa estar rodeada daqueles que ama, em paz, sem preconceitos…era bom…

Hoje só queria estar contigo, passar esta noite ao pé da lareira, a comer aqueles doces natalícios que eu tanto gosto, ver um filme, fazer tempo até á meia-noite para depois abrirmos juntas os presentes que estavam na arvore e os outros que eu esconderia pela casa e te obrigaria a seguir pistas para os encontrares :p partilharmos cada sorriso…talvez para o ano penso eu, talvez para o ano espero eu…

Amo-te muito e cada pensamento meu estará contigo

...


Feliz Natal!!!
:)

domingo, 23 de dezembro de 2007

Neve e não só

Bem, devido a problemas com a net não foi possivel colocar fotos da neve :( , mas tal como prometemos aqui ficam algumas para fazer alguma inveja; p








Aqui ficam as fotos da neve...tardou mas chegou!!

Entretanto ontem foi dia de aniversário (18 meses fantásticoa passados a teu lado vida minha!!!) e hoje dia de ires para longe de mim...Tu em Aveiro e eu e Bragança...não há muito a dizer para além das saudades e da tristeza...amo-te mais que tudo vida minha...e pronto...é bom matar "saudades" à séria deste cantinho do qual andei um pouco afastada...não sei que mais dizer...amo-te vida minha!!

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Foi hoje...

Depois de todo o frio, dos graus negativos que tivemos que suportar finalmente NEVOU :D

Hoje quando saímos de casa os flocos eram tão pequeninos mas agora, quando olhamos pela janela, o manto branco cobre as casas e as ruas, e é bom de se ver.

Eu adoro neve :) e é esperar que a minha mais que tudo chegue para ver se a consigo desviar para uma luta de neve lol pequenina que depois ela tem que trabalhar :)

E hoje pareço uma criança numa loja de doces, gosto disto, gosto desta cidade...

e amo-te a ti :p

sábado, 15 de dezembro de 2007

Descanso disse...Quem?..

Pois é, é fim de semana e tal...um sol fantástico e tal...uma média de 3 graus lá fora e tal...devia estar a passear e tal...mas minha mais que tudo teve que trabalhar e pumba...não há passeio para ninguém *amua* :p

Continuo a achar que os almoços natalícios dos locais de trabalho deveriam ser feitos durante a semana (porque o almoço envolve trabalho também), mas quem sou eu para opinar, uma recém licenciada que passa o dia sentada no sofá a ver t.v. de um lado e estudar o código da estrada do outro...mas pronto, acho a ideia muito infeliz porque hoje era dia de passeio com a nossa sobrinha linda que íamos matar de mimos...se estivesse nos E.U.A. processava os patrões da minha menina por impossibilitarem uma criança de usufruir dos mimos e da presença da sua tia adorada num dia que deveria ser de descanso...e aposto que ganhava um dinheirinho bom lol é uma ideia a ter em mente quando mudarmos pós states :p
Isto se a minha mais que tudo não os matar primeiro, sim, porque a ideia do almoço ainda lhe agradou menos a ela, tadinha... *beijo bom pa ti mor minha* e lembra-te...respira...1..2..respira...depois vens para casa e fica tudo bem :)

Até lá, que somos pessoas muito ocupadas e com muitos afazeres, fica uma tarde de sábado passada a comer chocolate e a ver filmes...a vida custa *riso parvo* e mais logo, se tudo correr bem, um hamburger com a luz dos nossos olhos, a pikena dos nossos corações...e para mim com o bonús de ter a namorada linda bem perto :)



Até lá, saboreiem a musica do Joshua Radin a tocar mesmo aqui ao lado...




P.s- Não podíamos deixar de mandar beijinho ás nossas afilhadinhas e parabéns pelos 5 golos ;)

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

onde estás?...

Entre ir ás comprinhas de Natal e preparar algumas surpresas, isto eu claro :p porque a outra metade trabalha o dia todo e chega a casa com desejo de descanso, tadinha da minha mais que tudo, quase que nem dá tempo de vir aqui :\

Mas não desaparecemos, continuamos aqui, apenas sem muito tempo, daqui a uns dias já voltamos em força para mal dos vossos pecados... MUAHAHAH *evil laugh* ;)

Já devia ser fim de semana... upa..isso é que era, não era morzinha?

Para ficarmos assim o tempo todo :p

sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Existem coisas para as quais não encontro justificação. Umas semanas atrás partiram a janela do nosso quarto a meio da madrugada com um paralelo, como se isso não fosse suficiente, ontem riscaram o carro todo da minha menina com um prego, e quando digo todo, é mesmo todo :(

Não percebo como certas pessoas têm actos livres de vandalismo, não sei, não me entra na cabeça como é que alguém obtém prazer a fazer algo assim, só espero, sinceramente, que quem fez isto se espete no muro mais perto e parta os dois braços e com um bocadinho de sorte, se não for pedir demais, as duas pernas também...é mau dizer-se isto, mas quando a policia não faz nada é a única coisa que se pode desejar.

Sei que estás de rastos mor, sei que vai demorar a passar tudo o que estás a sentir neste momento, mas hoje a tarde estás em casa, vais descansar porque precisas muito dormir e depois vemos como tudo corre...só te quero ver bem...

Amu tu mt, assim, como só tu sabes...

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Far away...

"...When we are apart
I still can feel you with me
I can trace every line in my mind
You are etched all over the heart of me..."

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

O tempo...

Parece que foi ontem que te vi pela primeira vez, tenho presente a forma como saíste do carro, o teu sorriso, o rasto de timidez, a forma de falares, de olhares, de estares…é uma das minhas memórias mais queridas.
Sabes tudo o que significas para mim desde então, tudo cresce, tudo aumenta, tudo melhora… és tudo para mim, a minha vida, o meu mundo e tudo o mais que me envolve e me faz feliz.

Entre tantas coisas por que já passamos e outras tantas que ainda teremos que ultrapassar, estamos aqui, juntas, fortes, felizes. Nem sempre é fácil mas temos conseguido e espero que assim continue para sempre, o futuro não é fácil mas é nosso, juntas faremos com que tudo corra pelo melhor.

Hoje, quando fazemos 17 meses amo-te mais do que alguma vez serás capaz de imaginar…


Parabéns a nós :)


Amo-te muito, assim, como nem imaginas

terça-feira, 20 de novembro de 2007

la la la...

Já estive a estabelecer uns contactos e se tudo correr bem este natal vais ter algo assim a correr (ou arrastar, depende do ponto de vista ;p) pela casa...o terror!!! lol




amu oce assim muntooooooooo

sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Apesar de não gostarmos de flores...


Rachel: What does the lily mean?
Luce: The lily means...
[pause]
Luce: The lily means, "I dare you to love me"

imagine me and you quotes


Sei que nem sempre é fácil lidar comigo mas... "I dare you to love me" anyway...

Amo-te, assim, como so tu sabes...

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Porque...

tu és... tudo o que eu quero...tudo o que eu preciso... és tudo para mim...



Amo-te...

imagem feita por mim

closer...

Hoje a noite foi complicada, sei que estás muito cansada e eu também; também sei que tudo poderia ter sido feito de outra maneira mas, como sempre, não soube seguir o melhor caminho.

Tinha tanta coisa para dizer mas parece que a única que me sai é que te amo…Queria-te abraçar, beijar, prender-te em mim, fazer-te sentir única na minha vida, porque não há espaço para mais ninguém, nem no meu pensamento, nem no meu corpo, nem na minha alma, és tu e só tu que habitas em mim. Sei que sabes isso, mas ontem devia ter-to mostrado e não o soube fazer…desculpa-me…

Poderia escrever tantas coisas mais mas sabes onde está tudo escrito, e estará sempre lá se quiseres ler...és a minha vida.


Amo-te muito muito, assim, como só tu sabes…




“…Sei que não sei,
Ás vezes entender o teu olhar
Mas quero-te bem.
Encosta-te a mim…”

Foto de 3mil30 - deviantart

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

...

Estes dias têm sido complicados, de momento estás sem net no trabalho, a dualidade de critérios enjoa-me mas enfim, alguém que não tem ética não pode de maneira nenhuma fazer as coisas de maneira correcta, é impossível.
Acho incrível como é que alguém que está a frente de uma instituição não consegue por de lado as suas preferências pessoais...toda a gente está rodeada no trabalho, e não só, de gente por quem nutrimos simpatia e outras que não, é normal. O que não é normal é o facto de que, se temos um cargo de chefia, deixarmos essas nossas simpatias se notarem, até podemos odiar a pessoa mas dentro do local de trabalho devemos ser o mais isentos, correctos e o mais profissionais possível...obviamente que dias em que as coisas serão mais fáceis de controlar que outros mas acho que no mínimo a boa educação tem que prevalecer...acho que é isso que faz de alguém uma pessoa correcta e moralmente digna de outra simplesmente desprezível a vários níveis. Por exemplo, o Bom-Dia não se nega a ninguém, até a um desconhecido o desejamos...será muito pedir o mínimo de educação?

Obviamente que falo de uma situação concreta logo, mesmo que as minhas palavras não sejam as mais correctas são o que sinto, haverá quem discorde, pois aposto que sim, é normal.

Nestes últimos dias tenho pensado que a educação que as nossas mães nos deram não foi a mais correcta, deram-nos valores morais e educação com os quais fomos construindo o que hoje somos.
Se fomos bem criadas? acho que sim...
Se nos deram uma boa educação? acho que sim...
Se nos incutiram valores? acho que sim...
Se nos considero boas pessoas?..ora pois claro que sim...lá temos as nossas nóias e os nossos defeitos mas é normal...digo eu :p

Mas acho que se nos tivessem incutido que sermos corruptas é que era bom, que passar por cima de tudo e todos só porque achamos que podemos é que é bonito, que tratarmos as outras pessoas mal e as humilharmos é que nos traz felicidade...ora ora, se nos tivessem ensinado isso em vez de tudo o que nos ensinaram, seriamos sem duvidas piores pessoas, com menos amigos, mais mal formadas, mesquinhas e pobres de espírito, mas teríamos mais sorte e tudo nos correria melhor, porque, ao que parece quem é assim é que avança neste pais.

Mas mesmo assim, agora que vejo as coisas melhor mor, prefiro que sejas como és, porque como alguém disse, qualquer dia a verdade virá ao de cima e ai, mesmo que as pessoas vivam na twilight zone da corrupção onde pensam que nada lhes toca, the shit will hit the vent ;p

Sei que a revolta é grande, mas és uma pessoa linda, os teus valores, a tua moral, a tua ética, a tua educação fazem de ti alguém especial e rara...sei que de momento pensas que não, que os valores e a ética não te levam a lado nenhum mas acredita que valem muito e que fazem de ti alguém mais forte, mais pura, mais digna e fazem-me amar-te cada dia mais, se assim não fosse não eras a pessoas linda por quem me apaixonei e que quero que seja a mãe dos meus filhos ;)

Não fiques triste...

Amo-te assim, como só tu sabes...cada dia mais...

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Porque...


Porque hoje foi um dia cansativo...

Porque hoje tu estas em baixo...

Porque hoje precisas de um colinho...

Porque hoje foste forte e tiveste que suportar tanta coisa...

Porque hoje não consigo ver o brilhosinho nos teus olhos...

Porque hoje o teu sorriso é triste...

Porque hoje estás cansada...

Porque és linda...

Porque és a minha vida...


Hoje vou cuidar de ti, dar-te banhinho, pegar-te ao colo, por-te na cama, agarrar-te, mimar-te e embalar-te até adormeceres...


amo-te...

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Resposta ao desafio...

Pois é, fomos desafiadas pela Maria Papoila para elaborar o nosso top 5 dos monumentos…como somos 2, ainda tentamos chegar a um consenso mas as divergências eram enormes portanto o nosso terá que ser um top 10 lol
Tem que ser, vá, sejam fortes ;p
O top 5 da minha Tenshi:
Missy Peregrym
Michelle Rodriguez

Sarah Shahi

Ana Carolina

Sarah Wayne Callies
O meu top 5:
Lena Headey

Kate Walsh
Sofia Boutella
Karina Lombard
Jennifer Morrison
Vamos passar o desafio a algumas das nossas amigas e como somos relativamente novas nestas andanças e não temos muito contacto com outros blogs, os 2 ultimos escolhemos aleatoriamente dos que lemos e muito gostamos, esperamos que as proprietárias não se importem e passem o desafio a mais 5 :p

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

I'm backkkkk!...

Pois é, voltei!!! :D

Sim, eu sei que foram só 3 dias e 2 noites...e dai?
Tive saudades. Um dia longe da minha menina já é mau, 3 é tortura....mais do que isso nem quero pensar porque fico deprimida, e com natal a chegar quero mesmo é esquecer que a meta dos 3 dias vai ser superada...mas não quero falar disso agora.

O que importa é que estou de volta e com a net já decente...tenham medo, tenham muito medo!!...muahahahaha!!! ;p

Já matamos as saudadinhas, não todas que isto das saudades parecem que crescem a cada minuto, mesmo quando estamos juntas mas vamos fazendo por isso, e nada melhor do que o fim de semana para matar o resto das saudades...

Mas nem tudo foram rosas na chegada, não sei se foi por ser halloween, se por simples estupidez humana, se por outro motivo qualquer mas o que é certo é que fomos acordadas de madrugada com pedradas dirigidas à nossa casa, que só terminaram quando a janela do nosso quarto foi partida (o que ainda demorou um bocado).
A policia foi chamada, os vizinhos ouviram mas ninguem conseguiu ver nada porque os rapazes tinham a cara tapada, enfim, nada podia ser feito. O susto foi terrivel e o resto da noite foi passada em sobressalto ou completamente acordada como foi o caso da minha Tenshi.
Mas no meio do mau ainda houve algo positivo, os pais viverem pertinho e terem vindo logo e a minha menina não estar sozinha, não consigo sequer imaginar acontecer algo assim com ela sozinha em casa, sem mim...é melhor nem pensar...

Hoje a noite foi mais calma, nada de barulhos, nada de sobressaltos, tudo tranquilo...e as portadas já estão a ser feitas, mais vale prevenir porque mais sustos destes não obrigada! Não é mor minha? :p

O que é que isto nos ensina?...não podemos sair de perto uma da outra ;)

A*t muito

terça-feira, 30 de outubro de 2007

Amanhã...

é assim que vou estar...
Segura nos teus braços...

Tenho tantas saudades!...

Amo-te assim como só tu sabes...

Capitulo I - versão 2

Foi-nos “pedido” que contássemos a nossa história, a minha menina já tinha feito mais ou menos isso uns posts atrás, mas hoje resolvi ser eu a contar…
Conhecemo-nos via net, no site da rede ex aequo, como coordenadora na altura, dei-lhe as boas vindas e fiquei extremamente contente por haver pessoas em Bragança como eu. Do fórum ao msn foi um pulinho, eu adicionei-a e começamos a falar (o que foi algo pouco usual, visto que eu nunca adicionava ninguém porque era demasiado tímida para o fazer lol) mas com ela foi diferente, começamos logo a falar, as brincadeiras eram constantes, vinha ao pc para falar com ela e acontecia o mesmo do lado dela, até se levantava de manhã só para vir falar comigo (era inédito, acreditem ;p).
Uma particularidade nossa foi que mandávamos muitas musicas uma á outra, o que mais tarde se transformou numa espécie de código para comunicarmos lol
Depois de algum tempo a falar virtualmente lá foi combinado um café…depois de pensar que ela podia ser um raptor, depois de muitos nervos á mistura, até á oferta de boleia foi um saltinho, e no dia combinado lá estava ela e a namorada á porta do prédio…estava linda naquele dia, desportiva, com um sorriso encantador que me deixou muda durante a tarde toda. É, não falei durante o café todo lol ela passou a tarde toda a falar com uma colega minha todas divertidas, eu só fazia sorrisos parvos e a ex dela só contava tijolos…foi uma tarde para repetir como podem ver lol
E assim foi, depois deste primeiro empurrão começamos a sair quase todas a s noites e a intimidade entre nós cresceu, começamos a criar um laço muito forte que acabou por se transformar em algo maior.
Na altura tanto ela como eu namorávamos, ela estava numa fase de ruptura e eu de começo. Uns meses depois ela terminou o namoro dela, eu continuei o meu.
Depois de muitas saídas, muitas, noitadas, muitos cafés, muitas conversas ficamos ainda mais próximas, havia um tipo de magnetismo entre nós que nos aproximava de uma forma quase bruta. Lembro-me de quando chegava ao café e ela já estava sentada na mesa com o jornal, era corria para ela, dava-lhe um abraço forte com direito a beijinho na testa, na bochecha, nos dedos, pegar de mão e miminhos o resto da noiteJ
Parecia que só a via a ela, que o meu sorriso se abria quando os meus olhos a viam, era boa aquela sensação de coração acelerado, de sorriso pateta, de estar, de simplesmente estar.
Com a chegada das ferias de verão tudo ficou mais complicado, as saudades eram muitas, aquela sensação de não querer ir, mas infelizmente lá teve que ser. E foi no meio das ferias que ela me contou o que sentia, estaria a mentir se dissesse que já não tinha notado, mas fiz sempre que não percebia, ela também, por mais que diga que não, lá no fundo sabia que mexia comigo como mais ninguém.
Foi numa tarde de praia, estava eu no Algarve, enquanto trocávamos mensagens que eu lhe pedi para ela me dizer quem era a rapariga que a estava a deixar sem sono…e ela disse…”és tu…desculpa”... e nesse momento o meu coração parou.


To be continued...lol

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Miss you

Custa tanto chegar a casa e não encontrar os teus braços, sentir aquele aerto, ver aquele sorriso...Não imaginas o bem que me fazes, como é bom chegar depois de um dia daqueles e ficar....dava tudo para te ter pertinho, nunca mais é quarta feira...dói olhar para o vazio, não te ver em nenhuma parte da casa...dormir sem ti...é melhor nem pensar...é nestas alturas que Aveiro parece que fica do outro lado do oceano...

Miss you ...

Amo-te assim...como só tu sabes vida minha

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Nada

Hoje não há forma de me conseguir concentrar no trabalho. A situação por cá não é das melhores, mas nem entro por aí. Tive a infelicidade de ter como superior uma pessoa sem princípios (não sei se será a palavra correcta, talvez demasiado leve para qualificar a dita), ela não fala comigo, o que cria situações caricatas quando eu falo com ela, sim, porque a boa educação assim o obriga, e acho uma certa piada quando lhe falo e não me responde ;p

Nesta situação a minha atitude não podia ser outra, fiz o correcto e não me arrependo. Se as entidades competentes reconhecem que a atitude foi acertada, se este tipo de situações não pode passar impune não vai ser a birra dela que me vai maçar. Devia ter pensado nisso quando achou que pisar meio mundo é solução para os fins maquiavélicos a que se propõe. Quando se tem um trabalho em que de certa forma outras pessoas dependem de nós, não me parece de todo correcto que alguém se aproveite da fragilidade e dos problemas dessas mesmas pessoas em beneficio próprio. Não é assim que se fazem as coisas. Não é isso que vem no Código Ético e Deontológico. Há que separar as coisas. Acima de tudo o respeito pelo próximo.

O que me entristece é o facto de ninguém conseguir por travão a este tipo de situações. Acho incrível como o nosso país, governo, justiça ou seja lá o que for, é, até certo ponto, conivente com estas atrocidades. Por mais que pense não entendo. O que mais custa é ver que quem sofre com estas falhas são as pessoas com quem trabalho.

O que me tranquiliza é a consciência. A minha consciência. Limpa!

Para piorar... Segunda vais para Aveiro...sem mim...ainda temos o fim de semana no meio, vou aproveitar-te muito bem...Amo-te muito

P.S- Vou animar-me amor, prometo!

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Argghhh....

A semana passada diziam já ter sido enviada uma carta para os S.A. a explicar a situação para esta ser resolvida.
Ainda na semana passada passei por lá para perguntar se o processo já tinha sido corrigido e a situação resolvida definitivamente, ao que me responderam que sim, que tudo está resolvido e que já posso ter acesso ao meu certificado mas que seria melhor esperar porque como era a segunda fase de candidatura estaria muita gente na secretaria de alunos e ia ser praticamente impossivel...eu sendo teimosa lá fui para a secretaria e de facto ao fim de poucas horas desisti e esperei até hoje...erro crasso!!
Hoje ligo para os S.A. a perguntar se está tudo em ordem e dizem-me que não receberam carta nenhuma e que o meu processo se encontra na mesma...
Aaaargggghhhh!!!!!

Já passaram 3 meses, quanto tempo mais precisa o estabelecimento de ensino para me dar aquilo que é meu por direito desde Julho????

Não posso concorrer a lado nenhum pois não tenho certificado de habilitações, por acaso têm sorte porque fiquei cá depois de acabar o curso, se assim não fosse e estivesse em Aveiro queria ver quem me pagava a casa e o transporte que iria precisar para me deslocar nestes 3 meses...pufff... 4 anos a estudar, propinas sempre pagas a tempo e horas porque senão eram multas e coisas que tais e agora tratam uma pessoa assim...onde estão os deveres do politécnico?Errar toda a gente erra mas demorar tanto tempo para corrigir uma situação que se resolveria em 1 hora é demais.

Estou irritada, estou muito irritada!!!!

humphff...

Infiel e apanhada!

Tenho que fazer a confissão. A minha namorada apanhou-me. Aproveitei uma pequena pausa no trabalho (hoje estas burocracias estão incrivelmente chatas, e como estou quase a adormecer em cima do pc) resolvi mudar de ares e contar o acontecido.


Uma pessoa passa a tarde a dizer (via telefone) que está estranha, que algo se passa, mas ela insiste que não, que está tudo bem. Ela já devia saber que não me engana, nem à distância, sabia que quando chegasse a casa saberia os motivos. E assim foi.


A minha menina, é um bocadinho distraida (o que lhe dá um charme incrível!) e não faz ideia de onde colocou a sua pen, eu como boa namorada disse para ultilizar a minha. Eu passei a tarde no trabalho, e ela com a minha pen. Erro crasso! Apanhou uma foto que andava por lá perdida nem sei bem porquê. Estranhou encontrar a foto, imaginou mil e um cenários, deu volta a tudo quanto podia, até que achou o nome da menina um pouco estranho e foi ao Google. Ainda bem. Salva pelo Google. Fez a pesquisa e descobriu a proveniência da menina que se passeava na minha pen.


Quando cheguei a casa fui obviamente confrontada com esta situação, não pude deixar de achar alguma piada ao teu arzinho enquanto falavas, já recuperada do susto e com todas aquelas hipóteses maquiavélicas de lado, o tom de brincadeira que deste a toda a situação. Principalmente do "ela é um bocadinho feia".


És uma tontinha! Só de pensar as voltas que a tua cabeça deu, as coisas que te passaram pela ideia! Tenho que me rir. Só mesmo tu amor meu. São estas pequenas coisas que fazem de ti a pessoa especial que és!


Vou deixar aqui a foto da "tal" menina, que eu muito aprecio em termos futebolisticos, que joga na não menos fantástica selecção sueca, a quem agradeço o nome e ao Google, sem eles não sei como teria sido (sei sim amor, sabias que tinha que brincar com isto minha cabecinha no ar!)

Amu muito tu, assim como só tu sabes...

Desculpa bebe, tinha que brincar com isto, sorry me!!

terça-feira, 23 de outubro de 2007

...

"... Stones are snoring
Walls are breathing loud
Roofs are poking
Into cosmic mouth..."
the gathering

Andy Mckee - Guitar - Drifting

Porque gostei...o senhor é fantástico... e agora como ando com a mania das guitarras e tal, isto é para mostrar aquilo que eu nunca vou conseguir fazer :p

Mas gosto de ver e ouvir :)

segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Como não podia deixar de ser..lol


Eu bem que me esforço mas..pronto..tu entendes :) a minha cabeça anda sempre nas nuvens, agora ficas a sabes porque..porque tenho-te comigo para todo lado que vou...neste caso como um balão ;p

Hoje é o nosso dia portanto, parabens para nós :D
És linda e tudo para mim...

Amo-te assim, como só tu sabes...

Mais parabéns a nós!!

Porque o tempo para já não me permite mais...amo-te mais que tudo! 16 meses de pura felicidade!!! Amo-te vida minha...desde sempre...para sempre

sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Guess It May...

"I'm still learning what love is
Everyday I wake up in your arms
I'm still trying to figure out what works
How to set off all your alarms

I'm still learning what love is
When I'm walking close to you
The best way to hold your hand in mine
The best way to comfort you

Guess it may
Guess it may
Guess it may
Guess it may
It may always be this way

...

Even though I may not get it right
All the time I will always try
And I will always stand right by your side

Guess it may
Guess it may
Guess it may
Guess it may
It may always be this way..."

Rosie Thomas

A*T tanto

quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Porque...

hoje fez todo o sentido ouvir, sentir e recordar...


Could I borrow your oxygen?
I want to breathe what you breathe
Could I borrow your eyes then?
I want to see what you see
Could I borrow your mind?
I wanna know what you conceal
Could I borrow your heart?
I wanna know what you feel
‘Cause in my dreams I see your face
Full of love and full of grace
I wake up out of the blue
Something tells me
It could be you...
...
The way I feel when you are near
The way I smile when you appear
The way your voice speaks to me inside
I cannot hide
‘Cause in my dreams I see your face
And the kiss I softly taste
I wake up out of the blue
Something tells me
It could be you


no matter what, serás sempre tu...



Palavras a cor roxa modificadas da musica original

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Não quero!


Digam o que quiserem, não há nada que me faça gostar ou sequer simpatizar com estas meninas chamadas agulhas e seringas. Só as consigo tolerar bem e gostar um bocadinho grande até para tirar sangue. Não sei explicar porquê mas quando é para o sangue é na boa, agora vacinas e injecções …têm sido o meu pior pesadelo e têm-me tirado o sono. Não quero! Quero fugir e não sei como. Aceito sugestões…amor meu, desculpa, é infantil e tudo e tudo, mas não quero…prefiro passar uma semana a tirar sangue, sei lá, picas não…nem com a melhor das enfermeiras, nem com a melhor das médicas…nada me convence. Sou adulta, eu sei, tenho responsabilidades, eu sei, picas não quero, eu sei!!!
Tiram-me a racionalidade por completo, o meu cérebro deixa de funcionar, sei lá. E não me deixam dormir. Parece que só de pensar que tenho que ser picada daqui a muito pouco tempo as agulhas ganham vida e viram monstros na minha cabeça que me atormentam. Por muito que tente é algo que não consigo controlar. Acho que vou consultar uma psicóloga para ver se desmonta estes pensamentos ;p

segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Problemas...ou não



Estes últimos tempos não têm dado para ser uma presença assídua neste nosso cantinho. como tu bem sabes (e sofres as consequências) não ando a mais fácil das pessoas, tenho andado um nadinha insuportável. Sei que percebes, que estás sempre comigo e isso é bom. Tens sido o meu grande suporte, só tenho que me orgulhar da grande namorada que és.


Entre nós tudo bem, sem problemas, tirando aquela minha irritação profunda de sábado que me pos quase à beira de um ataque de nervos, tenho que te pedir desculpa, exagerei,mas também já há uns meses que não discutiamos ;p


Prometo que não vou "stressar" tanto por causa do trabalho, acho que neste ponto já melhorei um pouco, já levo as coisas de outra forma (sim, a médica, eu sei, não esqueço).

No trabalho as coisas vão indo, nem sei bem como caracterizar a situação. Na passada quarta feira é que acordei para a realidade...é bem verdade que há uns tempos atrás me deparei com um complicado dilema ético, durante um pequenoperíodo de tempo "fechei" os olhos mas não dava, não deu. Amo a minha profissão e respeito imenso o Código Ético e Deontológico da mesma...juntando a minha consciência e os meus principios tive que tomar uma decisão que para muitas pessoas poderá fazer de mim uma doida, cada um interpreta como quiser, mas tive que dar conhecimento de um erro gravissimo, ao mais alto nível da minha chefe, colega de profissão. Ela entretanto decidiu prolongar as férias e veio quinta feira passada, no dia anterior veio a policia, fazer as deligências próprias e adequadas da tal informaçao que havia dado aos meus superiores hierárquicos.

Ok, sou doida para uns, outras coisas para outros, era a chefe, mas teve que ser. Como chefe devia dar o exemplo e ter um comportamento profissional irrepreensível, dignificar a profissão que abraçou; já basta o descrédito que lhe é dado por tantas outras pessoas que (des)governam este país! Não me alongo neste campo...


É fácil imaginar o clima lá no sitio. A senhora (tem idade para ser minha mãe, mas não vem ao caso) optou por educadamente me ignorar e não me falar, o que torna o ambiente um pouco estranho. Confesso, muito honestamente, que não me importo, cada um sabe de si. Prejudica e muito o trabalho, óbvio,mas nada que não se resolva. Há uma série de pessoas que me ajudam e me apoiam....a A. que tem sido incansável, a T. que diz para não nos chatearmos porque vamos pedir para partilhar a mesma cela, a Dona L. e a minha boa educação, o D. e as nossas aventuras em serviço e lá terá que ser...a F. ajudou muito no post it...lol...


No meio de tudo isto, é deveras reconfortante saber que em cada regresso do trabalho tenho os teus braços para me receberem, o teu colinho, o teu amor, o teu apoio incondicional nesta minha loucura.


És tudo para mim...amo-te assim como só tu sabes, desde sempre e para sempre

...



Hoje estou assim...

(imagem de Azuzephre tirada de deviantart)

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Porcos!!

Como nem só de lamechice vive este blog, e como, apesar de se terem esquecido de me dar equivalência a uma cadeira e estando eu presentemente neste impasse de não poder concorrer para lado nenhum, eu já sou eng. Zootécnica e este pequeno post será dedicado a um animal que eu adoro, o Porco! E tenho dito! Lol

Pois é, de todos os animais, tirando o pinguim que por razões obvias não posso nem devo ter dentro de uma casa, os porcos fazem as minhas delicias :p

Gosto muito dos ditos porcos “normais”. Sim, aqueles que aparecem em filmes que conseguem dar ordens ás ovelhas e cenas que tais, rosadinhos, com aquele focinho lindo e que crescem e crescem e pronto, uns ficam maus, outros mansinhos e outros viram salsicha…acontece :\

Gosto, confesso que gosto e que se tivesse hipótese ia adorar trabalhar numa suinicultura.
Se cheiram mal? Ora pois claro que cheiram lol mas um banhinho depois do contacto diário e voilá :)

Mas devo confessar que não queria um porco destes para meu animal de estimação, bem, a não ser que eu tivesse uma quinta, ai ia ter porcos, vacas, coelhos, cabras, ovelhas, patos, galinhas, cavalos…ui…acho que até tentaria ter um hipopótamo :p (é nesta altura que a minha mais que tudo se atira da janela de casa lol)

Mas o porco que eu quero mesmo, e que se tudo correr bem ainda vou ter num futuro que espero ser não muito longínquo é um porco vietnamita ou ser preferirem em inglês, só porque parece mais catita, Pot-bellied pig :p
Tomei conhecimento desta raça numa visita à ovibeja, como íamos com a uni paramos num sitio onde íamos ver a famosa avestruz para a cadeira de Avicultura e os senhores tinham lá um espacinho com 2 porcos destes, perdi-me logo de amor por eles, lá estive a tirar informação e o senhor disse que eles se comportam como cães, reagem ao nome, abanam a cauda, gostam de festinhas, conseguem viver dentro de casa, se ensinados conseguem ir á caixinha de areia lol bem, isto foi o que o senhor me disse, se tudo isto é real ou se foi uma forma subtil de dizer “se eu lhe disser isto tudo a menina compra um?” não sei, ainda não tenho o meu para verificar mas devem ser muito asseadinhos para o George Clooney não largar o dele por um minuto, mas as vedetas são diferentes, o porco até deve ter personal trainer e tudo :p o que até nem é mau pensado porque quando ficam adultos e comem excessivamente parecem autenticas montanhas de rugas, mas eu adoro aquela barriguinha saliente *smile*

Mas pronto, aqui ficam umas fotos do menino dos meus olhos (mor meu, o natal está próximo :p) e também para a Diana, que gosta de porcos, ficar a conhecer este magnifico espécime, espero que gostes :)




Não são adoráveis???? :D
O que dizes morzinha, ficava tão bem um assim em nossa casa e até temos espaço pa ele andar...pwease!! *puppy face* lol vá, das-me um deste e eu dou-te um sharpei, deal? ;p

Do you know i'm...


Em tudo!
A cada pequena passagem de tempo, a minha mão vai estar sempre colada á tua e eu apenas a alguns centimetros de ti...sempre...

amo-te como só tu sabes


(foto e rabiscos feitos por mim)

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Para mais tarde recordar..PURUM! =)




<-- Um pequeno descanso na viagem para a tranquilidade






O que posso dizer, gosto de fotografar coisas bonitas =) -->






<-- Olha nós na praia, o bronzeado azul como é tipico da altura lol




O final do dia, acho que nunca tinha visto um céu tão lindo -->



<-- O quarto, pequeno mas muito confortável




O famoso roupeiro espelhado estratégicamente colocado ;p ->
(pronto, gostei, acontece lol)



<-- A vista do nosso quarto








E pronto, aqui ficam algumas fotos das nossas hiper-mini-super-férias =)
Para a proxima tiramos mais :p

terça-feira, 9 de outubro de 2007

Hiper-mini-super-férias =)

Já deveria ter vindo aqui escrever um pouquinho mas estive a tratar das fotos e de outros assuntos pendentes e só agora tive tempo…sorry my love!

Pois é, voltamos depois de 5 dias no paraíso :p
Devo dizer que estes dias fizeram muito bem aqui a nós, muito menos stress, mais sorrisos, maior descontracção, foi tãooo bom, é o que dá misturar o ar do campo com o da cidade, combinação perfeita! :)

Aqui fica um mini resumo destas hiper-mini-férias fantásticas!


Começaram em Aveiro em casa dos sogrinhos, foi a apresentação oficial e posso dizer que correu muito bem. Sei que a minha menina estava nervosa, ou melhor, ficou nervosa quando entrou em casa mas acho que a recepção atenuou uma grande parte dos nervos que se faziam sentir. A mãe, que já conhecia a minha Tenshi, foi hiper simpática, a grande expectativa decaia sobre o pai porque foi primeira vez que a viu e falou, posso dizer que correu bem, viu-se que esteve atento á forma como nós reagíamos uma a outra, como falávamos, enfim, acho que estudou um pouco a nossa maneira de estar, para quem tinha a ideia que era uma fase acho que ficou a perceber que de fase não tem nada.
A mãe, bem, o que poderei dizer da mãe…para quem disse “nunca vou aceitar” foi um doce de pessoa, desde a recepção calorosa, passando pelas brincadeiras, as risadas com as nossas brincadeiras (típica coisa que a deixaria de cabeça baixa com ar de quem não gostou do que ouviu mas que desta vez a fez sorrir, como por exemplo,

Mãe- Tas com uma barriga grande, cá para mim estás grávida *sorriso*
Eu- Grávida? Achas? Ai que bom!! Mor minha vamos ser mães!!
Tenshi- Vamos??..*cara de má* Vamos é ter que conversar, quero saber o que andaste a fazer e com quem!
Eu- Tens uma ideia de mim, pufff…já ouviste falar de inseminação artificial? Eu aqui a dizer que vais ser mãe e tu tratas-me assim *puppy face*
Tenshi- Quero provas!
Mãe- *Partiu-se a rir*
Tenshi e Eu ficamos a olhar com ar de quem está perante algo nunca visto lol)

os sorrisos, a conversas, a partilha de experiências, de histórias de vida, a cevada ao fim da noite, o tratar-nos sempre como um casal…só posso dizer que fiquei muito feliz, porque foi como a minha Tenshi disse, eu sabia que ela ia ser simpática mas eu vi que ela gostou mesmo da minha menina, simpatizou de verdade, não foi simpática porque ela era visita e a boa educação assim obriga, não, foi genuíno, e isso deixou-me bem, aqueceu-me por dentro. Foram 2.5 dias calmos, tranquilos e em família :D
Aproveitamos que estávamos na terrinha e demos um pulinho á praia :D foi muito bom, estivemos com uma amiga, tiramos fotos, tivemos na areia a namorar um cadito…não há nada melhor do que estarmos ao pé da pessoa que amamos com o mar como som de fundo *suspiro*

Depois fomos para o Porto, 2 dias fabulosos, o hotel era 5 estrelas, gostamos muito, as pessoas eram muito simpáticas, o quarto hiper confortável, muito acolhedor e devo dizer que adorei o guarda-fatos, todo espelhado…recomendo; p *sorriso 35* lol
Foram dias bem passados, estávamos a precisar de um tempinho só para nós e aproveitamos tudo ao máximo, deu para fazer tudo o que pretendíamos, para a próxima faremos o que ficou por fazer nesta nossa fugida lol


E pronto, entre estar com amigas, passear pelas ruas, descobrir sítios, fazer comprinhas e namorar muito o tempo foi passando e infelizmente chegou ao fim :(
Mas daqui a uns tempos repetimos, esta foi a primeira de muitas viagens juntas!! :D
E temos fotos, muitas fotos, para mais tarde recordar porummm!! :p

Bigada por este tempinho só nosso, por cada sorriso, por cada olhar, por me fazeres tão feliz…és linda!!

Amu tu mt, assim, como só tu sabes






segunda-feira, 8 de outubro de 2007

Voltamos!

Estamos de volta, pouco felizes com isso, uma vez que estes dias foram simplesmente fantásticos.Foi pouco tempo, mas tempo suficiente para recarregar um pouco as energias (ou não, uma vez que também se gastaram muitas ;p).

O meu amorzinho deve passar por aqui contar um pouco melhor, já que eu nem tempo tive para descansar em condições, tive que voltar ao trabalho, ainda por cima mais cedo que o normal...viva as horas extras...puff!

Passear, dormir, praia (não para bronzear ou assim,só mesmo para relaxar pertinho do mar) e o mais importante, estar com os sogros, não como amiga, mas sim como a namorada. O sogro ainda não conhecia-a pessoalmente, quando estive com o meu amor em Aveiro o sogro estava ausente por motivos profissionais. A sogra conhecia-me como amiga antes da Tear ter feito o seu coming out para os papas, desta vez, e já eles sabendo há alguns meses, só agora surgiu oportunidade de ir como oficial. E foi muito bom! A Tear estava espectante em relação à mãe, sabia que me ia tratar bem e tal, mas a surpresa foi total. Reagiu hiper bem, melhor impossivel. Tratou-nos sempre como um casal, não como uma amiga, brincou connosco...foi muito bom...agora sou oficial...lol...não sou um nome que eles conhecem, sou a namorada da filha e reconhecem isso, e não há nada melhor! Para a Tear foi uma surpresa daquelas, ver o à vontade da mãe connosco, não há palavras para explicar. Tenho os melhores sogros do mundo!!!


Amo-te muito bebe...sou imensamente feliz contigo...parece que vou rebentar de tanta felicidade!!AMO-TE MUITO

terça-feira, 2 de outubro de 2007

A gente vai ali, já volta!!

Malas feitas, tudo estrategicamente planeado...vamos amanhã, estaremos de volta domingo!!
Se alguém passar por cá seja muito bem vindo ;)

Só tua a partir deste momento,completamente...amo-te!!

Só um pouco mais...

Já falta pouco para chegares a casa, sei que o dia foi bastante desgastante e ainda temos coisas para arranjar para a viajem de amanha, mas também sei que vais chegar com um sorriso por amanha irmos embora daqui para os tão esperados dias de descanso.Amanha já não vou olhar para os km, já não vou ficar triste porque quando olhar pela janela do autocarro e vir isto...



...basta-me olhar para o outro e te ver a ti mesmo ao meu lado, pertinho, vai ser tão bom!
Anda rápido que estou cheia de saudades!

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Música

Já por cá faltava a Ana Moura...gostos não se discutem e pronto, a moça tem muito boa voz, bons atributos portanto, requisitos suficientes para ser falada em tão prestigiado cantinho ;p.

Tu a passar a ferro, eu a ouvir a Ana Moura (not fair, i know!!)...tu tens a tua Mafaldinha e parece-me justo eu ter a Ana Moura(não esquecendo a Carolina). Sei que ao ouvir esta música pensate exactamente o mesmo que eu, foste levada para um momento impossível de esquecer, que como já foi dito, já lá vão 16 meses...aqui deixo a letra...


Primeiro foi um sorriso
Depois quase sem aviso
É que o beijo aconteceu
Nesse infinito segundo
Fora de mim e do mundo
Minha voz emudeceu
Nesse infinito segundo
Fora de mim e do mundo
Minha voz emudeceu
Ficaram gestos suspensos
E os desejos imensos
Como poemas calados
Teceram a melodia
Enquanto a lua vestia
Nossos corpos desnudados
Teceram a melodia
Enquanto a lua vestia
Nossos corpos desnudados
Duas estrelas no meu peito
No teu meu anjo perfeito
A voz do búzio escondido
Os lençóis ondas de mar
Onde fomos naufragar
Como dois barcos perdidos
Os lençóis ondas de mar
Onde fomos naufragar
Como dois barcos perdidos
Os lençóis ondas de mar
Onde fomos naufragar
Todos os nossos sentidos



Ana Moura - Primeira Vez


Amo-te muito muito...muito

Memórias...

Hoje lembrei-me das férias de verão do ano passado, dos 4 dias estive contigo e de todos os outros que estivemos separadas. Lembro-me que foi esta musica que ouvi no dia que foste embora, musica que me acompanhou durante todo o dia e me embalou durante a noite.
Hoje lembrei-me, não sei bem porque, mas lembrei e aqui fica ela, a musica que ainda hoje me faz chorar.

O video clip foi o unico que encontrei com boa qualidade sonora :p

Anda rápido para casa quero-me encaracolar nos teus braços...

a*t sempre mais

Lembras-te...


16 meses desde o nosso 1º beijo...ainda me lembro de cada momento...estás tão presente em mim...és a minha vida...amo-te desde sempre...para sempre...

sábado, 29 de setembro de 2007

With love...

Amar-te é o melhor dos sentimentos...sempre me dei bem com as palavras, mas tu tens o dom de me deixar sem elas, de me fazer perder em ti, fazes com que tudo fique perfeito, basta um sorriso teu no meio do caos para tudo ficar bem...às vezes dou por mim a pensar no que fazer ou dizer, para te poder mostrar tudo o que sinto cá dentro, algo tão grande, impossível de quantificar que às vezes sufoca.

Queria fazer-te uma bonita declaração de amor, como só tu fazes...sei que este sentimento aumenta a cada dia que passa, que és a minha mulher, a mulher da minha vida, que merece todo o meu respeito e admiração, que me conhece como ninguém, que não vou magoar, que fez de mim alguém diferente, alguém melhor...sei que daqui a uns minutos vais ler isto e me vias apertar, dar aquele abraço e eu vou ficar sem jeito...não sei o que me fazes, mas gosto...cada dia mais...gosto do toque suave da tua pele, da sensualidade do teu olhar, desses teus lindos olhos verdes nos quais me perco vezes sem conta, da forma como entras em mim com um simples sorriso, as dentadinhas que me dás quando quando eu digo aquelas tontices, daquelas outras coisas que só tu sabes e sentes...és tu...sou eu...somos nós...especiais...

É bom receber o telefonema de uma amiga que vai casar, para fazer o convite, e tu estares incluída(sei que dito assim soa mal, tu entendes)...bom ver que nos veêm como um casal igual a tantos outros, sem objecções de orientação...tenho a maior sorte do mundo em ter uma namorada fantástica como tu e amigos assim...

Amo-te com todas as minhas forças...desde sempre e para sempre

quinta-feira, 27 de setembro de 2007

Thanks love

Esta semana tem sido de loucos! Só trabalho...puff...Não me vou alongar em pormenores técnicos para não chatear ninguém,mas tem sido do pior; não tem dado para nada; chegar tarde a casa, sem vontade para nada, nem para comer, cair na cama redonda, sem paciência, irritada,ainda não percebo como o meu amor me tem aguentado.

É quase sexta-feira mas mesmo assim não vou ter tréguas, tudo indica que vou trazer toneladas de trabalho e segunda e terça vai ser tudo em contra relógio. A imensa paixão que tenho pelo meu trabalho (que não é proporcional ao local de trabalho, não pelo local em si, óbvio, mais pela falta de ética e respeito que cresce por aqueles lados) noutras circunstâncias (entenda-se solteira e sem o amor da minha vida) não cometeria a loucura de me ausentar dois dias para um fim de semana prolongado.

Como bem casada que sou e com a "promessa" de não pôr o trabalho em primeiro lugar ( sou aquilo que se poderia chamar uma workaholic borderline que convém ser avisada quando estou a ultrapassar os limites) largo tudo e cometo uma loucura...mesmo... a minha chefe devia ter começado a trabalhar dia 17 mas nem sinal, a outra colega como namora com o informático lá do sitio e ele meteu baixa foi também, não vá alguém roubar-lhe o moço. Sobro eu.

Somos três e tem que haver sempre uma a assegurar o posto, para emergências e outras coisas. Decidi ser rebelde e elas que se decidam. A boss não se apresentou e a outra lembrou-se de basar uma semana depois de ter gozado duas de férias. Eu ainda não gozei férias, vou pegar no meu amor e "fugir". Sem autorização oficial da minha superior hierárquica directa. Não quero saber.

Quarta feira, dia 3 eu e o meu amor vamos deixar Bragança rumo a Aveiro e depois Porto. O tempo é curto, não dá para mais. Tudo tratado e combinado.

Pode estar a parecer uma irresponsabilidade grande mas não é...há pessoas válidas que ficam a cuidar lá do sitio e vou descansada. Têm sido demasiadas horas de trabalho seguidas e não dá para continuar a aguentar o trabalho que devia ser de três pessoas, e como se não bastasse ainda tenho que aturar as birras de uma estagiária que foi ali parar não sei bem como, uma vez que pertence a uma área funcional que nem sequer existe na instituição...não dá...não tarda e quem é internada sou eu...lol...

Vou parar por aqui, acho que já nada disto faz sentido, é só um desabafo para não adormecer já, ainda estou maçada das cotoveladas de ontem do meu amor, que de dois em dois minutos fazia o favor de me manter acordada, só me "autorizou" a nanar às 10.30 (que vergonha, ando podre de todo)...aturem-me então porque hoje para me safar das cotoveladas decidi chatear os nossos 1 ou 2 leitores, mas confesso que tem sido um sacrificio enorme manter os olhos abertos, mesmo assim o meu bebe de 2 em 2 minutos pergunta se estou acordada...pronto, eu paro...


Amor, bigada pela força e apoio nestes dias tão complicados, por estares comigo, aturartes as minhas irritações, e sobretudo o teu apoio naquela situação que às vezes me faz sentir doida, mas pronto...ética é ética...eu sei que já me devia ter calado....amo-te muito vida minha...schiuuuuu

quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Trabalho...

Conversa de fim de tarde:

S (Tear) - Como correu o trabalhinho?
C (Tensgi) - Correu bem.
S- O que fizeste?
C- blá bla bla e comprei uma boneca
S- Uma boneca?Onde?
C- lá no trabalho
S- quanto foi?
C- 25€
S- São daquelas feitas á mão? assim de pano?
C- Não, é uma barbie.
S- Uma barbie?? deste 25€ por uma barbie??
C- Não é uma barbie qualquer, tem um vestido de renda...
S- o_O *parti-me a rir*


E é assim que a minha mais que tudo comprou uma barbie com um vestido de renda :p

És a minha tonta linda, e amo-te por cada pequena coisa que fazes...

P.s- bonecas insufláveis estão fora de questão!! lolol

terça-feira, 25 de setembro de 2007

hihihi







Frase do mês

"Quem é a maior Hácara da casa?"




E é assim que se auto intitula a pirata aka "hacara" cá de casa lol


Gosto de ti por seres assim ;p

Afinal...


A culpa não foi do Prof. Matemática, ele lançou a nota, foi muito prestativo, viu os ficheiros, e chegamos á conclusão que o erro não foi dele…

Matemática- Eu lancei-lhe a nota
Eu- Pois, no meu histórico de notas on-line também aparece lá matemática mas só no bacharel
M- É estranho…a menina foi abrangida por Bolonha não foi?
E- Sim, logo devia ter equivalência
M- Deve ter sido erro do pedagógico, espere que eu vou ligar para ver se falo com eles

*passados 5 minutos de tentativas*

M- Ninguém atende, ainda não devem estar *breve sorriso* mas vá á sala do pedagógico e peça para falar com o X ou a Y
E- *pensei pa mim, se não atendem o telefone é porque não devem estar na sala mas pronto* Eu vou lá então. Obrigado.
M- Olhe á tarde se puder passe aqui para me dizer como ficou o processo, está bem?
E- Eu passo professor. Bom dia.

Achei que foi um fofo o senhor, pareceu realmente preocupado e a raiva que tinha por ele sexta-feira desapareceu.

Bem, lá me dirigi ao pedagógico, descer escadas e mais escadas até que parei na secretaria.

Senhora- Bom dia em que a posso ajudar?
Eu- Tenho que ir ao pedagógico, poderia dizer-me qual é a sala?
S- oh…não esta lá ninguém. Mas era urgente?
E- Era.
S- E do que se trata?
E- Aconteceu..bla bla bla..
S- Pois, pois.. e de que curso é?
E- Eng. Z.
S- Vá falar então com o professor K porque foi ele que tratou das equivalências do seu curso
E- Muito obrigado.

Lá subi eu outra vez as escadas, e mais escadas e mais outras até chegar ao gabinete dele, para meu azar estava a dar aula, tinha que esperar. A sorte é que estava lá uma colega minha para saber uma nota e ficamos a falar e ver os caloiros, coitados…de facto devia haver gente que devia ser proibida de praxar, são tão estúpidos…puff…mas adiante.

Passados 40 minutos de espera o professor aparece, visto que a minha colega estava á espera de uma nota dele ele já vinha a dizer que a ia matar e coisas que tais, os professores têm um sentido de humor fantástico, a minha colega á espera da nota da ultima cadeira para terminar o curso e ele chega a dizer que a vai matar por ela ter chumbado em pleno corredor…uma pessoa se já esta nervosa com algo assim só pode desabar, mas continuando.

Eu- Professor, tenho aqui um problema e bla bla bla
Prof- É provável que tenha havido erro, isto na mudança para Bolonha estava tudo um caos
E- Pois, mas eu precisava de saber o que aconteceu e o que tenho que fazer para compor as coisas

*depois de 3 interrupções de professoras a convidar para almoçar, alunas histéricas com o início das aulas e outras a perguntar como foram as férias ainda tive que ficar a espera mais 20 minutos*

P- Continuando, tem que vir cá a tarde porque agora já é tarde e ainda vou ter que fazer bla bla bla
E- Eu venho cá á tarde, ás 2 pode ser?
P- Claro que pode.

E assim vim embora da escola depois de uma manhã a subir e a descer escadas, ao menos sempre fiz exercício lá combati a flacidez (temos que pensar positivo).
Á tarde lá fui eu ter com ele, ao menos foi pontual, e lá me disse onde estava o erro. Quando o pedagógico mandou os processos dos alunos o meu veio incompleto, ou seja, não constava matemática em lado nenhum, logo, o professor não me podia dar equivalência a algo que não aparecia no meu processo, dai a inexistência da nota.
Solução, ir falar com o todo poderoso lá da escola para ver que eles se tinham enganado e para ele mandar uma carta á secretaria de alunos para emendar a borrada.
Teria sido fácil se assim fosse mas o senhor deve ter olhado para a minha cara e pensado “esta moçoila tem cara de quem está em casa o dia todo sem fazer nada portanto vou-lhe mandar escrever uma carta, quem esperou mais de 1 mês também espera mais umas semana”

Presidente - Você tem que escrever uma carta a explicar o seu caso com todos os seus dados e informações relativas ao exame e a pedir uma revisão e posterior conclusão do seu processo. Depois disso eu enviarei uma carta á secretaria para ser desfeito o erro e o processo decorrera normalmente.
Eu- Obrigada. *que vontade tive de lhe bater*

Hoje lá fui entregar a dita carta, que a minha Tenshi ajudou eu a fazer porque ela tem muito jeito pa estas coisas, e agora é esperar para ver se são feitas alterações, espero que sim, e rápido!

E pronto, acabou assim a saga da nota fantasma :p

Para a minha morzinha, o trabalho não tem sido fácil, complicações e mais complicações, não tem dado tempo para nada, mas ela é linda e fantástica e maravilhosa e tudo vai correr bem ...

Quero ver um sorriso!! ;p

Amu tu muito

sábado, 22 de setembro de 2007

Closer...

Hoje lembrei-me de como tudo era no início, da nossa cumplicidade, da maneira como comunicávamos, como lidávamos com as coisas, é bom ver que tudo isso evoluiu, que aumentou de intensidade e se transformou em algo mais maduro.

Hoje lembrei-me do que tivemos que passar para ficar juntas. Tivemos que suportar tanta coisa, tu tiveste que aguentar tantas coisas mais.
Hoje olhei para trás e apercebi-me que se as coisas se repetissem eu faria tudo de novo, mudaria só tempo que demorei a dizer que te queria, que eras tu que me fazia sorrir, que eras tu que ocupavas os meus sonhos e o meu coração.

Hoje lembrei-me de tudo o que tivemos que passar no início da nossa relação, parecia que desde o momento que as nossas bocas proferiram as palavras “amo-te e quero ficar contigo” tudo o que nos rodeava parou e deu uma volta de 360º.
Ainda hoje é difícil perceber algumas coisas. Tu sofreste por causa dos ciúmes excessivos da minha, na altura, “melhor amiga”, coisas como sair do quarto quando tu entravas e ir-se fechar no W.C. a chorar, controlar horas de saída e chegada, não perceber porque é que eu ia sempre á noite dar uma volta contigo, não te falar ou simplesmente falar-te mal, chantagem emocional, entre tantas outras coisas.
Hoje teria feito as coisas de outra forma, hoje não me teria deixado abater com as palavras e as acções que vieram dela, hoje simplesmente teria virado costas. No final foi exactamente o que aconteceu, depois de muitas coisas ditas de ambos os lados a única coisa possível de se fazer era isso, o afastamento; acho inadmissível alguém te por contra a parede e dizer, ou a tua namorada ou eu, mas já que disse para eu escolher eu fiz a escolha certa, tu serás sempre o meu caminho.
Com este afastamento boa parte dos meus colegas resolveram afastar-se de mim, poucos eram aqueles que falavam, mas eu aguentei-me, fiquei triste, chorei, senti-me só, mas tinha-te a ti, quando chegava da escola eram os teus braços que tinha á minha espera, o teu sorriso e as tuas palavras de conforto, davas-me força para me levantar todos os dias e os encarar e fazias-me adormecer com um sorriso, acho que nunca conseguirei dizer-te o quanto me fizeste bem, o quanto me fizeste sentir amada e especial.

Hoje lembrei-me de tudo o que se passou com todas as outras pessoas que fizeram tudo para nos separar, que diziam que eu ia ser só “mais uma”, que nos provocaram tantos dias de tristeza, irritação, dor…mas esses dias passaram, e estas coisas agora são só más memorias no meio de tantas outras que são simplesmente fantásticas e deliciosas, porque mesmo no meio de tudo isto conseguimos sempre ter um sorriso, uma palavra de conforto e um gesto meigo e doce uma para a outra, e nada do que foi feito e dito para nos separar surtiu efeito, pelo contrario, aproximou-nos ainda mais.

Hoje lembrei-me da primeira vez que te vi sorrir, da primeira vez que olhei para ti e não consegui falar.
Hoje lembrei-me de como te beijava sempre que chegava ao café, de como as nossas mãos se tocavam por puro impulso e de como tudo em nós gritava proximidade.
Hoje lembro-me do primeiro abraço, da primeira palavra ao ouvido, da primeira vez que tive saudades.
Hoje lembrei-me da primeira vez que me levaste ás cavalitas, de quando te fiz festas na barriga, de quando parei e fiquei completamente vidrada em ti.
Hoje lembrei-me do quanto queria gritar que te amava enquanto te abraçava quando faltou a luz durante o concerto. Lembrei-me do quanto queria aninhar-me nos teus braços quando correste para mim no shopping, do quanto te quis beijar quando ficaste com um pouco de maionese no canto do lábio.
Hoje lembrei-me de quando dormi encaracolada em ti, do cheiro no pijama que eu vesti, de como ficas linda enquanto dormes.

Hoje lembrei-me que te amo com a mesma pureza do primeiro dia, com o mesmo ardor mas com uma intensidade renovada a cada dia que passa.
Hoje lembrei-me que ainda sinto aquela sensação de borboleta no estômago, que quando olho para ti o tempo ainda pára, eu ainda fico vidrada e encantada com tudo o que tu és.

Hoje lembrei-me que não posso deixar de te dizer que és a minha vida, que fazes o meu mundo girar, que és a pessoa mais especial e importante da minha vida, que sem ti nada faz sentido.
Hoje quero que saibas que nunca me arrependi de ter ficado contigo, nem por um segundo, foste a melhor coisa que me aconteceu e serás sempre um orgulho para mim.

Hoje tenho que te dizer que te amo com tudo o que sou e que te trago em cada pedaço de mim.

Hoje prometo-te isto:



O meu carinho por ti é eterno.

Parabéns para nós.

Amo-te!